Resfriado e gripe podem evoluir para uma pneumonia?

Resfriado e gripe são infecções virais que apresentam alguns sintomas em comum, como coriza, tosse e dor de garganta. Por isso, essas doenças são frequentemente confundidas, embora não afetem o organismo da mesma forma. A partir disso, pode-se questionar sobre o risco de gripe e resfriado evoluírem para uma pneumonia. Será que essas doenças são consideradas fatores de risco? Saiba mais sobre isso!1 2

Resfriado raramente evolui para uma pneumonia, vírus da gripe afeta o pulmão com mais frequência

O resfriado é uma doença que não costuma oferecer complicações para os pacientes, sendo a infecção geralmente limitada ao nariz e à garganta. Com frequência, a evolução do resfriado se observa através de sinais como congestão nasal, tosse e mal-estar, sendo raro que afete o trato respiratório inferior e evolua para uma pneumonia.2 3

Por outro lado, a incidência de pneumonia decorrente da gripe é mais expressiva. Isso acontece porque além do vírus da gripe ser mais deletério às células pulmonares, a infecção viral torna o organismo mais suscetível a uma contaminação bacteriana no pulmão. Mas na maioria dos casos, a gripe não evolui para o pulmão e os sintomas da gripe são moderados.4 5

Mas afinal, o que é pneumonia? É possível prevenir essa doença?

A pneumonia é caracterizada pela inflamação dos alvéolos pulmonares, estruturas que realizam a troca gasosa necessária para o sistema respiratório. Os sintomas de pneumonia típicos incluem febre alta, calafrios, fadiga, mal-estar, tosse com secreção, falta de ar e respiração acelerada. Nem sempre esses sintomas se manifestam de forma simultânea, e em crianças e idosos, sinais menos comuns como diarreia e dores de estômago podem ser observados.5

O risco de desenvolver pneumonia é maior em indivíduos com o sistema imunológico enfraquecido, devido à diabetes e problemas renais, por exemplo, idosos com mais de 65 anos, bebês e em pacientes com doenças pulmonares, cardíacas ou respiratórias. Em razão disso, a vacina contra gripe é recomendada para pacientes do grupo risco e podem prevenir complicações como a pneumonia.5

MAT-BR-2104221