Por que alguns medicamentos são, ao mesmo tempo, analgésicos e antitérmicos?

A dor moderada (seja muscular ou de cabeça) e febre são sintomas relativamente comuns e, para dar conta desses sintomas no dia a dia, é normal procurar analgésicos ou antitérmicos, medicamentos que estão entre os mais procurados nas farmácias do país, principalmente em relação ao uso pediátrico.1 2 No entanto, às vezes você pode ficar em dúvida, pois alguns medicamentos desse tipo tem uma função dupla, atuando tanto no alívio da dor quanto da febre. Quer entender melhor como isso funciona? Continue a leitura!

Analgésico e antitérmico: em qual momento eles andam juntos?

Os analgésicos e antitérmicos são grandes aliados no manejo da dor leve a moderada e da febre. O paracetamol, a dipirona e o ibuprofeno são exemplos de analgésicos com propriedades antitérmicas em sua composição.1 Mas qual a conexão entre ambos?

Em primeiro lugar, para a redução da dor os analgésicos agem inibindo enzimas conhecidas como ciclo-oxigenases (COX), relacionadas ao processo inflamatório. Como a febre também é uma reação inflamatória, o mecanismo dos analgésicos é capaz de reduzir os dois sintomas.1 3

No entanto, é importante destacar que a febre não é, em si, uma doença e, por isso, não precisa ser suprimida com medicamentos em todos os casos. O foco do tratamento é na redução do desconforto do paciente, quando necessário, já que o uso indiscriminado de antitérmicos pode, inclusive, mascarar o problema subjacente, que está causando a elevação da temperatura.1

Diversos princípios ativos atuam contra dor e febre

É possível encontrar diversos medicamentos analgésicos com propriedades antitérmicas no mercado. Um dos mais conhecidos é o paracetamol, como citamos anteriormente. Este analgésico não opióide (AINEs) é o mais prescrito nos Estados Unidos para o tratamento de dores agudas comparado a outros com funções semelhantes. Outro recomendado é o ibuprofeno. Dentre os AINEs, ele se destaca por ter o menor risco gastrointestinal.1

Sob o mesmo ponto de vista, outro medicamento bastante vendido no Brasil é a dipirona. Na relação dos medicamentos isentos de prescrição, é possível achá-la como solução oral, supositório, comprimido e xaropes.4 Indicada no controle da dor e de intensidade leve a moderada, a dipirona atua na hiperalgesia (sensibilidade exagerada à dor) e seu efeito antitérmico atua no controle da febre e na regularização da temperatura corporal.5

MAT-BR-2104832