Como aliviar a dor de garganta?

As infecções na garganta estão entre as doenças infecciosas mais vistas por médicos de família. A maior parte dos quadros é causada por vírus, que respondem por 85% a 95% dos casos de garganta inflamada em adultos e crianças de até 5 anos de idade.1 Estima-se que 50% de casos de dor de garganta em crianças sejam causados pelo resfriado comum.2

Já as infecções bacterianas são menos frequentes e os casos geralmente resultam da atuação de bactérias GABHS, pertencentes ao gênero Streptococcus1. Que saber como aliviar a dor de garganta com medidas eficazes? Confira!

Médico explica como aliviar a dor de garganta

O otorrinolaringologista Henrique Penatti afirma que, em casos de dores de garganta leves, restringir alimentos ácidos, picantes e bebidas gaseificadas pode ajudar. E complementa: “Para dores moderadas, podem ser utilizados sprays ou pastilhas anestésicas e pode-se associar um analgésico comum, como dipirona ou paracetamol. Já no caso de dores intensas, é necessária a avaliação do médico, que poderá prescrever um anti-inflamatório, corticoide ou até mesmo um opioide”.

Segundo Dr. Penatti, dependendo da causa da garganta inflamada, o bochecho de água morna com sal ou bicarbonato pode acalmar os sintomas. No entanto, o especialista faz uma ressalva: “O pH da boca é alcalino e, portanto, deve-se evitar o uso de ácidos, como vinagre ou limão. Alguns tipos de doenças cursam com feridas dolorosas na garganta. Nestes casos, não se deve usar o sal, pois piora a dor”.

Eficácia de medicações em quadros agudos de garganta inflamada

A maioria dos pacientes melhora sem antibióticos, mas este tipo de medicação pode ajudar a reduzir moderadamente os sintomas e a diminuir a duração em 16 horas. Por outro lado, estudos com antibióticos mostraram que 90% dos pacientes, tanto aqueles que foram tratados com os medicamentos quanto os que não foram tratados, estavam assintomáticos ao final de 1 semana1.

Para a dor de garganta de causa bacteriana, a penicilina é o antibiótico mais utilizado em intervenções médicas devido à baixa resistência que o grupo de bactérias GABHS apresenta a essa substância1. Além disso, alguns estudos apontaram o uso de plantas herbáceas como um tratamento complementar aos medicamentos convencionais no tratamento de infecções bacterianas3. nfusões de raiz de alcaçuz, raiz de bérberis, rebento com flor de orégano e rebento com flor de tomilho se mostraram eficientes no combate a infecções bacterianas3. A necessidade do uso de antibióticos deve ser analisada pelo médico.

Que sintomas podem aparecer junto à garganta inflamada?

Em pessoas saudáveis, a dor de garganta raramente produz efeitos colaterais graves. Pacientes GABHS típicos são crianças de 5 a 15 anos que apresentam início bastante agudo de febre e inflamação na garganta. Nesses casos, as glândulas do pescoço podem estar aumentadas e mais sensíveis. Náuseas e cefaleia também podem surgir1.

MAT-BR-2004444